Post ostentação: a prefeitura de Berlim quer que a gente PARE DE ECONOMIZAR AGUA E USE MUITOOOOO!

Eu não queria ostentar. Na verdade eu queria construir um cano subterrâneo e mandar toda a água que sobra de Berlim para São Paulo agora mesmo. Escrevam para a Merckel! Peçam água. Aqui está sobrando. É sério. Em anos, o consumo de água em Berlim diminui 40%. Resultado, algumas regiões da cidade estão virando pântanos! E de meses em meses  a companhia de água precisa jogar água fora porque é tanto acúmulo que os canos [...]

A “mulherzinha” e a mulher “forte”, um embate, um lamento

Esse é um texto pessoal. Deveras pessoal. Um grito. Do estômago, se é que vocês entendem. Alguém inventou um dia que você é uma mulher forte. E você acreditou. Todas as minhas amigas são mulheres fortes. Algumas delas também apanham porque, afinal, são fortes!. A “forte” enfrenta. Enquanto isso, a mulher fraca, a girlie, a mulherzinha, bem, ela precisa de um tempo para digerir isso tudo. Você não precisa de tempo nunca. Você é forte [...]

Viver em Berlim, viver fugindo dos hipsters

“Ai, essas barbinhas. Essas barbinhas século 19, eu odeio, eu odeio”, minha amiga M, 20 anos morando em Berlin, gritava isso enquanto almoçávamos sentadas ao ar livre em ma rua de Kreuzberg.  De 15 em 15 minutos um hipster com barba passava pela calçada. M. é cria de Kreuzberg e morou por anos em Neukolln antes que o bairro fosse gentrificado (em poucas palavras, invadido por hipsters, turistas como eu, virasse da moda e ficasse [...]

Berlin: a cidade onde ninguém “tem dinheiro”

    Ninguém em Berlin tem dinheiro. Quer dizer, deve ter gente que tem. Uma lenda conta. Mas nunca vi. Nunca. Na capital mais pobre da Alemanha (mas pobre no sentido europeu, não no sentido BRASILEIRO e isso é uma coisa que eles nunca entendem e é um problema) todo mundo vive com muito pouco. De novo. Deve existir gente como alguns amigos de São Paulo, com carrão, viagens caras, casas de design, roupas de [...]

Os alemães, os planos e o Zeca Pagodinho

Muitas vezes o dia começa assim: “ qual é o plano?”. Algumas vezes eu, de fato, tenho que trabalhar, ir ao supermecado, cortar o cabelo. Mas outras vezes já me acostumei a falar: “sou brasileira, não faço planos”. Os planos. A vida como uma planilha de Excel. O maior problema de viver na Alemanha não é a língua. Está provado que só é possível filosofar em alemão mas a gente que é brasileiro dá um [...]